quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Linhas de Histórias- Exposição em São Paulo traça um panorama muito bacana sobre a ilustração na Literatura Infantil e Juvenil

São 40 anos de história da ilustração em livros infantojuvenis no Brasil retratados de forma instigante e completa. A mostra Linhas de Histórias que fica até o dia 29 de agosto no Sesc Belenzinho, em São Paulo, é uma viagem pelo universo desta arte que encanta e faz escola. Aproveitei minha ida à FELIT - Feira Literária de São Bernardo do Campo para, antes de embarcar de volta à Brasília, percorrer as maravilhas da Exposição organizada pelos escritores e ilustradores Alcimar Frazão, Fernando Vilela, Katia Canton e Odilon Moraes. Meu voo saía de Congonhas à noite, deixei São Bernardo na hora do almoço e passei uma tarde incrível entre cores, traços, texturas e muitas histórias!

A exposição é dividida em dois núcleos: Homenagem, que reverencia cinco obras pelo fato de term mudado o conceito de ilustração na nossa Literatura e seus autores: são elas: Ida e volta de Juarez Machado...

                                                   O rei de quase tudo de Eliardo França
A bruxinha atrapalhada, de Eva Furnari, que pode ser vista numa divertida animação!

  O lindo Cântico dos cânticos, de Angela-Lago, em que se passeia pela história tecida em painéis de Seda até...
... se chegar ao local de encontro dos dois amantes!

Ou a viagem pelas cores que Ziraldo nos proporciona com o Flicts. Aliás, é possível, literalmente, entrar no livro, na história da cor que não se via em nada...

 ... que não fazia parte do arco-íris e que vivia triste até descobrir que não coloria nada na terra, mas...

Era simplesmente a cor da Lua!

O segundo núcleo da Exposição  é o chamado Panorama que reúne 40 ilustradores e 58 obras. São artistas e trabalhos que revolucionaram as técnicas, reiventaram a arte de ilustrar para crianças e jovens e que fazem história. Roger Mello, Mariana Massarani, Ivan Zigg, Marilda Castanha, Salmo Dansa, Rui de Oliveira, Angela Lago, Eva Furnari,  André Neves, Andrés Sandoval , Cárcamo, Ciça Fitipaldi e Graça Lima, são alguns dos artistas que integram a vitrine deste 40 anos de ilustração.

 A mostra Panorama está dividida em seis eixos temáticos que passeiam pelas possibilidades expressivas e pelas mais variadas tendências da linguagem imagética. E o que é bacana: além do acesso aos originais, como estes de Renato Moricone, para o livro Telefone sem fio de Ilan Brenman, da Cia das Letrinhas, é possível conhecer o processo criativo de alguns ilustradores. Nesta parte, a exposição fica em gavetas que o visitante vai abrindo e revelendo belezas e segredos até então bem guardados!
                                                   Os painéis mostram técnicas diversas...
                                          ... difrentes formas de expressões...

                                                     De materiais...

                                              E até os estudos e riscos de muitas ilustrações!

 Os seis eixos do Panorama são: Livro-imagem, Humor, Experimentais, Tradição do Artesanato, Cultura Brasileira e Clássicos e Contos de Fada.

Aqui alguns dos trabalhos de ilustradores que integram o eixo : Tradição do Artesanato, como a família Dummont, que borda histórias nas páginas dos livros.

            E melhor do que ver tanta beleza, é ver em boa companhia! Fui com um expert em literatura infantojuvenil, amigo queridíssimo, escritor talentoso e Roedor de Livros, Tino Freitas!

                                      Abrir gavetas e encontrar originais de livros que fazem parte do meu cotidiano, como o delicioso Contos de enganar a morte, do Ricardo Azevedo, não tem preço!

                 Revisitar os contos de minha infância e pela perspectiva da imagem, também não!

Todos os livros que estão na exposição podem ser lidos, folheados, admirados e num espaço muito legal!


 A mostra vale uma ida a São Paulo, nem que seja só num fim de semana. Vale ainda a torcida para que ganhe outras cidades, seja pelo Sesc, ou por quem resolver proporcionar a viagem a este outro mundo dos livros! Debates, oficinas e mesas-redondas também integram a programação!
Linhas de Histórias até 29/08
Terça a sexta, das 9h às 22h. Sábados, das 9h às 21h. Domingos, das 9h às 20h.
Galpão Multiuso / Área de Exposições - Grátis
SESC Belenzinho / Rua Padre Adelino, 1000 - Belenzinho – São Paulo (SP)
Telefone: (11) 2076-9700

Um comentário:

Cristina Sá literaturainfantilejuvenil disse...

Oi! ALESSANDRA,
Que sucesso a FELIT!
Que maravilha a exposição
LINHAS DA HISTÓRIA!
Deu para ver que você
aproveitou bastante a sua
viagem para São Paulo.

O post do Uni Duni Ler
tem sido bem visitado.
Tenho certeza que a
sementinha do deste
Clube de Leitura já está
germinando em vários
pontos do Brasil.
Bjs
Cristina Sá do blog:
http://cristinasaliteraturainfantil
ejuvenil.blogspot.com